“Amores e Recomeços…” (Crônica)

simpatias-ano-novo

Tenho uma coleção de histórias e situações absurdas que já vivi no Réveillon: já fui a um baile sozinha com a esperança encontrar alguém e passei a noite  de ano novo segurando vela…entre tantas histórias vividas chego nesse final de 2017, com a certeza de que na vida o importante mesmo é ter paz e saúde…depois de alguns anos a gente fica convencida de que essas duas palavras são muito mais que um clichê!..

E de que o ” amor da sua vida” : aquela pessoa que vai trazer a felicidade, dar apoio e fazer você esquecer de tudo que ja deu errado na sua vida…então essa pessoa também nã existe!

Felicidade depende de você! Outra descoberta importantíssima nesse ano de 2017! Muitas ilusões de uma geração que cresceu assistindo novelas e comédias românticas dos anos 80! aqueles clássicos em que a menina feia do colégio se torna a garota mais popular  depois de abandonar o aparelho nos dentes e os óculos fundo de garrafa…

Aquelas paixões tórridas, virgindade perdida…era tudo tão lindo! tão puro…que a gente chegava a acreditar em amor verdadeiro e príncipes encantados…

Em 2017, minha paixão durou alguns meses…depois meu Crush me deu um fora via Watsap, e uma semana depois postou foto no facebook com a nova “namorada” em um  momento romântico: na cena ao ar livre, sorrisos , abraços e a  ” A famosa “panceta” do “Bar do Rai”… na legenda” ” Que lindo você e eu”…poderiam ter acrescentado”” saboreando essa deliciosa panceta…”

É rede social tem dessas coisas… duas semanas, e ele arrumou outra paixão…rápido né! eu termino o ano falando daquele alemão, e ele já deve estar na milésima paixão…

Também não quis passar a receita original de chucrute…

Mas o ano também teve muitas situações realmente sérias que me abalaram muito! e ai nem tem a ver com relacionamento, aliás quando temos um problema realmente sério é que nos conscientizamos o quanto perdemos tempo com besteiras e divagações que não levam a nada!

Pior que isso: com pessoas vazias e egoístas que só minam a nossa auto- estima…e nessa história toda somos os mais culpados, por despejar toda responsabilidade de ser feliz nas mãos do outro!

Pra 2018, desejo a todos muita paz, saúde e muito amor próprio! que você saiba reconhecer e entender a simplicidade, e as alegrias de viver, independente das opiniões e expectativas do outro! Faça por você e se permita sentir a aproveitar tudo intensamente! porque a vida passa rápido demais!

Agradeço a todos que acompanharam o blog em 2017 e conto com vocês em 2018!

 

Brincar de Viver
Maria Bethânia

exibições
1.091.587
Quem me chamou
Quem vai querer voltar pro ninho
Redescobrir seu lugar
Pra retornar e enfrentar o dia a dia
Reaprender a sonhar

Você verá que é mesmo assim
Que a história não tem fim
Continua sempre que você responde “sim”
À sua imaginação
À arte de sorrir cada vez que o mundo diz “não”

Você verá que a emoção começa agora
Agora é brincar de viver
Não esquecer, ninguém é o centro do universo
Assim é maior o prazer

Você verá que é mesmo assim
Que a história não tem fim
Continua sempre que você responde “sim”
À sua imaginação
À arte de sorrir cada vez que o mundo diz “não”

E eu desejo amar todos que eu cruzar pelo meu caminho
Como sou feliz, eu quero ver feliz
Quem andar comigo, vem

Lá lá lá lá lá

Você verá que é mesmo assim
Que a história não tem fim
Continua sempre que você responde “sim”
À sua imaginação
À arte de sorrir cada vez que o mundo diz “não”

Lá lá lá lá lá

 

Anúncios