Gotas de Beleza : Cosmetologia

02ggrs1zv9bh42nesiav8607q

No começo do século XX os cosméticos passaram da produção caseira para fabricação em quantidades maiores. A liberação da mulher foi o fator fundamental para o sucesso dos cosméticos prontos, já que elas não tinham mais tempo para produzi-los em casa. Assim, uma nova indústria surgiria para suprir esta demanda. Paralelamente a esse progresso tecnológico, os conhecimentos científicos contribuíram decisivamente para o desenvolvimento de numerosas fórmulas de preparações mais eficientes e seguras.

O surgimento dos grandes nomes

David McConnell vendia livros de porta em porta, e dava uma pequena amostra de perfume a cada venda. Ele logo viu

que seus clientes estavam mais interessados nos perfumes do que nos livros, e abriu a California Perfumes, em Nova York, em 1886. A empresa mais tarde seria rebatizada de Avon.

Uma jovem polonesa chegada em Melbourne em 1902 levava potes de creme de fabricação familiar que auxiliava no cuidado da pele castigada pelo clima quente e seco da Austrália. Esta jovem, chamada Helena Rubinstein, abriu sua primeira loja na rua Collins, em Melbourne e mais tarde mudou-se para os Estados Unidos. Sua contribuição foi grandiosa para a emergente indústria cosmética.

A principal concorrente de Helena Rubinstein foi Florence Nightingale Graham, mais conhecida como Elizabeth Arden, uma canadense que em 1910 abriu seu primeiro salão Red Door em Nova York e criou um império com filiais em todo o mundo. Ambas foram desafiadas por Charles Revlon, que estabeleceu sua empresa, a Revlon, inicialmente com apenas um produto, conhecido então como verniz de unha.

O primeiro creme para pele que utilizava água em óleo foi produzido em 1911; era o creme Nívea. O nome faz referência à cor branca do creme e relaciona-o à neve. Na primeira década do século XX, o imigrante polonês Max Factor começou produzindo maquiagem para teatro, na costa oeste dos

Estados Unidos, mas logo percebeu o potencial de consumo entre as mulheres, e passou a fabricar seus produtos em

1920 para este mercado.

A palavra cosmetologia foi criada pelo Dr. Aurel Voine, durante o Congresso Internacional de Dermatologia de 1935 em Budapeste. Segundo ele, cosmetologia é o conjunto das ciências do embelezamento e suas implicações dermatológicas, biológicas, químicas, farmacêuticas, médicas e

Anúncios